Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Secretário do Esporte se reúne com comissão da 24ª Surdolimpíadas

Publicação:

SURDOLIMPÍADAS
Evento reúne seis mil atletas de mais de 100 países, que disputarão 22 modalidades - Foto: Ascom/SEL

O secretário do Esporte e Lazer, Francisco Vargas, participou, na tarde desta quinta-feira (26), de uma reunião online via vídeo conferência com o Comitê Plural, criado pela Universidade de Caxias do Sul (UCS). Durante o encontro a presidente do Comitê Executivo, Jaqueline Mognaga, apresentou ao gestor o projeto da 24ª Surdolimpíadas, que acontecerá entre os dias 5 e 21 de dezembro de 2021, em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha. 

O evento, que acontece a cada 4 anos, envolve seis mil atletas de mais de 100 países, que disputarão 22 modalidades. Esta é a primeira vez que um país sul-americano sediará a competição. De acordo com o secretário, é uma grande honra sediar esse evento em nosso Estado. “E um evento de grande repercussão na área do esporte e principalmente da inclusão social e nós não poderíamos deixar de incentivar esse importante acontecimento mundial. Seguramente será a maior competição já realizada no sul do país”, concluiu, Francisco Vargas.

Segundo o secretário, os organizadores do evento utilizarão a Lei de Incentivo ao Esporte – Pró Esporte RS – como instrumento de fomento para o esporte gaúcho. O plano prevê competições na Vila Olímpica da universidade de Caxias do Sul, além de outros locais, como o ginásio e as pistas de atletismo do Serviço Social da Indústria (Sesi), as piscinas Recreio da Juventude e os Estádios Centenário e Alfredo Jaconi. Cidades vizinhas, como Gramado, Bento Gonçalves e a capital, Porto Alegre, também poderão receber disputas esportivas ou auxiliar na acomodação das delegações das Surdolimpíadas. O investimento deve ultrapassar os R$ 10 milhões.

Saiba mais 

O Programa Pró-Esporte RS, vinculado à Secretaria do Esporte e Lazer - SEL, visa promover a aplicação de recursos financeiros em projetos de fomento às práticas desportivas e paradesportivas, formais e não formais, e ao desenvolvimento do esporte em suas diversas áreas de manifestação e modalidades, na forma de benefício fiscal. O programa é dividido em dois mecanismos de fomento: a Lei de Incentivo ao Esporte - LIE, que é realizada de forma indireta através de incentivo do ICMS a empresas patrocinadoras de projetos esportivos aprovados; e o Fundo Estadual de Incentivo ao Esporte - FEIE, realizado através de investimentos de forma direta por parte do Estado por meio de Editais.

Secretaria do Esporte e Lazer